Confederação Brasileira de Golfe

Aberto do Brasil de Golfe chega à sua 60ª edição com US$ 150 mil em prêmios; INSCRIÇÕES

26 de setembro de 2013

A 60ª edição do Aberto do Brasil de Golfe, apresentado por Credit Suisse Hedging-Griffo, acontece de 17 a 20 de outubro no Gavea Golf, no Rio de Janeiro (RJ), com uma premiação recorde de US$ 150 mil. O evento faz parte da NEC Series – PGA Tour Latinoamérica e reunirá os melhores golfistas do continente. O público tem entrada franca para assistir ao torneio.

O evento é a 9ª etapa da temporada 2013 da NEC Series – PGA Tour Latinoamerica, o principal circuito de golfe do continente, que dá vagas para o Web.com Tour, que por sua vez é a única forma de se classificar para o PGA Tour, onde está a elite do golfe mundial. O Aberto do Brasil de Golfe é organizado pela Confederação Brasileira de Golfe (CBG) e tem promoção da IMX.

A premiação de US$ 150 mil é a maior do torneio nos últimos anos. No ano passado, a bolsa de premiação foi de US$ 130 mil. O campeão do torneio, disputado no São Fernando Golf Club, em Cotia (SP), foi o argentino Clodomiro Carranza, que no final da temporada do PGA Tour Latinoamérica conquistou uma vaga para o Web.com Tour.

INSCRIÇÕES ABERTAS – CLIQUE AQUI 

Além disso, o 60º Aberto do Brasil de Golfe apresentado por Credit Suisse Hedging-Griffo vale pontos para o ranking mundial de golfe, lista que definirá os atletas classificados para disputar os Jogos Olímpicos. O Rio 2016 marca o retorno da modalidade às Olimpíadas depois de 112 anos de ausência.

“O projeto do PGA Tour de criar um circuito latino-americano foi abraçado pela CBG desde o início. Nada mais é mais gratificante que ver nossos golfistas crescendo no ranking mundial, bem como ajudar o golfe nacional a mostrar que estamos bem mais perto dos nossos objetivos, sempre pensando nos Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro e 2020, no Japão”, diz Paulo Cezar Pacheco, presidente da Confederação Brasileira de Golfe. “É também uma chance de demonstrar a capacidade brasileira de organizar eventos de tamanha importância”, completa.

“A união entre o PGA Tour, a CBG e a IMX levou o Aberto do Brasil a um novo patamar. O evento tem repercussão internacional e faz parte da trajetória dos golfistas brasileiros e latino-americanos rumo à elite do esporte mundial”, diz Enio Ribeiro, vice-presidente de Esporte da IMX.

O Aberto do Brasil será disputado em quatro dias. Após as duas primeiras rodadas, haverá um corte, e apenas os 50 melhores classificados e empatados disputarão as duas rodadas finais. A entrada do público para acompanhar de perto os melhores golfistas do continente durante as quatro rodadas será gratuita.

O 60º Aberto do Brasil de Golfe tem o patrocínio máster da Credit Suisse Hedging-Griffo e patrocínio da Embrase, Sete Brasil, Sportv, Zurich, Klabin e YKP. O relógio oficial é Rolex e o café oficial é Nespresso. A operadora oficial é a TAM Viagens. O campeonato conta com recursos da Lei de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte e apoio do R&A, Gavea Golf e Federação de Golfe do Estado do Rio de Janeiro. O evento é organizado pela Confederação Brasileira de Golfe, com promoção da IMX e é sancionado pelo PGA TOUR Latinoamérica.

Histórico glorioso – Em mais de oito décadas de glória (a primeira edição foi em 1945), o Aberto do Brasil já atraiu alguns dos principais nomes do golfe mundial, numa lista de campeões que incluem Sam Snead (1952), Billy Casper (1958 & 1959), Peter Alliss (1961), Gary Player (1972 e 1974), Raymond Floyd (1978) Jerry Pate (1980), Hale Irwin (1982), Roberto De Vicenzo (1954, 57, 60, 63, 64 & 1973) e o brasileiro Mario Gonzalez (1946, 48, 49, 50, 51, 53, 55, 69), maior vencedor da história do campeonato.

Sobre a Credit Suisse Hedging-Griffo - O Private Banking da Credit Suisse Hedging-Griffo é um dos líderes no Brasil. Os nossos clientes têm atendimento personalizado por bankers e especialistas, que os assessoram na gestão de fortunas e agregam valor na busca dos melhores produtos, tanto da CSHG quanto do mercado.

A CSHG oferece o serviço de Wealth Management, que se empenha em conhecer todos os aspectos da vida do cliente, para assessorá-lo em planejamento sucessório, tributário, empresarial e, até mesmo, em investimentos sociais e filantropia.

Sobre a CBG – Entidade máxima do golfe no Brasil, a Confederação Brasileira de Golfe foi criada em 1957 com o nome de Associação Brasileira de Golfe, mudando para o nome atual em 1976. Hoje a CBG agrega oito federações e 117 campos afiliados. Em um cenário especial para o esporte no país, a entidade trabalha em conjunto com seus associados para incentivar a formação de novos talentos, assim como desenvolver e suportar atletas de alto rendimento e fomentar a maturidade técnica da modalidade.

Sobre a IMX - Com sede no Rio de Janeiro e conexões internacionais, a IMX, Joint-venture entre os Grupos EBX e IMG Worldwide, tem como objetivo ser uma das principais empresas do setor na América do Sul. As áreas de atuação dividem-se em quatro pilares: Eventos (criação, produção e promoção de eventos esportivos e entretenimento ao vivo), Serviços (gerenciamento de talentos, consultoria em marketing esportivo e Hospitality), Digital (venda de ingresso e distribuição de conteúdo) e Venues (gestão e operação de estádios, arenas e outros espaços para eventos). Através do braço IMX Live firmou sociedade com a empresa Rock World S.A, do empresário Roberto Medina, para expansão da marca Rock in Rio, em uma das maiores operações até então realizadas na indústria do entretenimento no Brasil.

Confederação afiliada

Comitê Olímpico do Brasil Internacional Golf Federation R&A Federacion Sudamericana de Golf Comitê Brasileiro de Clubes

Parceiros

Patrocinadores

Premiações

Mapa do Site