Confederação Brasileira de Golfe

Andrey Xavier na liderança do Amador Internacional do México

12 de junho de 2021

Os brasileiros Andrey Xavier e Guillherme Grinberg tiveram um sábado espetacular no México, jogando muito bem a terceira etapa do XCIII Amador Internacional do México, que começou na quinta-feira, dia 10, e termina neste domingo, dia 13 de junho, no Club Campestre Torreon, na cidade de Cohauila, no México. Estão na disputa 141 golfistas de países.

O gaúcho Andrey Xavier fez uma volta sem bogey, 3 birdies e com um hole in on one, a tacada mais desejada do golfe, no buraco 15, um par 3 de 164 jardas, assumindo a liderança do torneio, empatado com o chileno Benjamin Saiz Wenz. Ele jogou mais uma vez muito bem, 5 abaixo, totalizando 11 abaixo, com 202 tacadas (68/68/66).

Já o paulista Guilherme Grinberg fez a sua melhor volta do torneio, 65 tacadas, 6 abaixo, subindo 45 posições  nesta rodada. Guilherme está com 214 tacadas (75/74/65) e subiu para 0 27º, superando neste dia a sua lesão no ombro e mostrando todo o esforço da sua recuperação para jogar este torneio no México.

Victor dos Santos, paranaense de Curitiba, que atualmente mora nos Estados Unidos, não passou o corte para jogar a rodada final neste domingo, terminando com mais 17,  230 tacadas (74/73/83).

Com os excelente resultados de Andrey Xavier e Guilherme Grinberg, a dupla brasileira subiu para a terceira posição na disputa do XIX Torneio Mexicano Internacional de Duplas, com 10 abaixo. A liderança é da dupla do Chile, com 17 abaixo, seguida pela dupla do México, com 11 abaixo.

A Confederação Brasileira de Golfe (CBGolfe) convocou os brasileiros, Andrey Xavier e Guilherme Grinberg seguindo os critérios estabelecidos para convocações para competições internacionais da entidade. No momento, os golfistas Andrey Xavier e Guilherme Grinberg são os dois melhores classificados no Ranking Mundial Amador de Golfe (WAGR), onde Andrey aparece na 64 posição, o melhor golfista sul-americano, e Guilherme em 383 lugar. Victor dos Santos, paranaense de Curitiba, que atualmente mora nos Estados Unidos, se inscreveu independente no torneio, e nesta semana é o sétimo brasileiro no ranking mundial amador.

O torneio individual, em 72 buracos, teve um corte para a última rodada. Já o torneio de duplas, por soma de resultados, será jogado em 54 buracos, sem corte.

Andrey Xavier e Guilherme Grinberg recebem apoio da Confederação Brasileira de Golfe (CBGolfe) e do Comitê Olímpico do Brasil (COB), através de projetos com recursos da Lei das Loterias.

Clique aqui para mais informações.

 

Confederação afiliada

Comitê Olímpico do Brasil Internacional Golf Federation R&A Federacion Sudamericana de Golf

Patrocinadores

Premiações

Mapa do Site